Home Imprensa Sete dicas de como entreter as crianças durante a quarentena

Sete dicas de como entreter as crianças durante a quarentena

Sunny Brinquedos dá dicas criativas e práticas para o período

Devido a rápida propagação do Coronavírus, as aulas nas escolas de todo o país estão suspensas por tempo indeterminado. E, diferente das férias escolares, onde passeios ao ar livre são ótimas opções para a criançada, a recomendação atual da Organização Mundial da Saúde é de que todos fiquem em casa.

Com isso, uma das grandes preocupações dos pais é como conciliar a agenda de trabalho e manter as crianças entretidas de forma leve e divertida durante a nova rotina familiar. Importadora de inúmeras licenças de sucesso e referência quando o assunto é diversão, a Sunny Brinquedos, acredita que apesar da ocasião pedir cuidados, alguns hábitos podem ser adotados para que os momentos entre pais e filhos sejam aproveitados da melhor maneira possível.

Confira algumas sugestões:

  • Resgate brincadeiras da infância como amarelinha e corda de pular, pois além de serem uma ótima atividade física, trazem consigo uma carga educativa e lúdica;
  • Mantenha a agenda diária em funcionamento, controlando horários de alimentação, banho e sono para que os pequenos percebam que essa não é uma pausa comum;
  • Para estimular as áreas do cérebro voltadas à atenção, proponha brincadeiras do tipo “esconde-esconde” ou jogos da memória;
  • Delegue pequenas tarefas do dia-a-dia para que desenvolvam um senso de responsabilidade de acordo com a idade da criança, como por exemplo, ajudar a arrumar a mesa para as refeições, guardar os brinquedos após as brincadeiras ou arrumar a cama;
  • Em momentos onde o trabalho exigir mais concentração, estimule a leitura e diga que gostaria de ouvir a história quando voltar;
  • Escolha um filme que agrade toda a família e transforme a casa em uma verdadeira sessão de cinema. Para deixar o ambiente ainda mais descontraído, vale investir em pipoca e guloseimas;
  • Para aqueles que já se encontram em uma etapa mais avançada na escola, como o fundamental, vale desenvolver atividades que envolvam a escrita ou o ato de soletrar, como “Forca” e “Stop”;